Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2009

APASCENTANDO OVELHAS OU ENTRETENDO BODES?

Pr. Charles Haddon Spurgeon Apascentando Ovelhas ou Entretendo Bodes? Tradução: Walter Andrade CampeloUm mal está no declarado campo do Senhor, tão grosseiro em seu descaramento, que até o mais míope dificilmente deixaria de notá-lo durante os últimos anos. Ele se tem desenvolvido em um ritmo anormal, mesmo para o mal. Ele tem agido como fermento até que toda a massa levede. O demônio raramente fez algo tão engenhoso quanto sugerir à Igreja que parte de sua missão é prover entretenimento para as pessoas, com vistas a ganhá-las. Da pregação em alta voz, como faziam os Puritanos, a Igreja gradualmente baixou o tom de seu testemunho, e então tolerou e desculpou as frivolidades da época. Em seguida ela as tolerou dentro de suas fronteiras. Agora as adotou sob o argumento de atingir as massas. Meu primeiro argumento é que prover entretenimento para as pessoas não está dito em parte nenhuma das Escrituras como sendo uma função da Igreja. Se este é um trabalho Cristão, porque Cristo não falo…

MOVIMENTO DOS IRMÃOS - EXEMPLO A SEGUIR 2

1.2. A origem do movimento de «Irmãos» - um segundo relato História do chamado movimento de «Irmãos» Fonte Texto: Carlos AlvesIn Refrigério n.º 47 a 50 1. DESPERTAMENTO ESPIRITUAL Nicolaus Ludwig Jonathan Edwards No ano de 1719, um jovem da Saxónia, chamado Nicolaus Ludwig (conde de Zinzendorf), visitou a Galeria de Arte da cidade de Dusseldorf e ficou impressionado com um quadro pintado por Domenico Feti. Era uma pintura de Cristo crucificado, com o Seu rosto ensanguentado pela coroa de espinhos e com a seguinte inscrição: "Tudo isto fiz por ti; que fazes Tu por Mim?". Este jovem de 19 anos saiu dali disposto a consagrar a sua vida Aquele que assim sofrera por Ele. Em 1722 deu asilo nas suas terras de Berthelsdorf, a um grupo de refugiados moravianos. Estes descendiam do movimento Unitas Fratrum (Unidade dos Irmãos), criado por João HUSS, cem anos antes de Lutero, e que foi levado à fogueira. Assim, o Conde de Zinzendorf protegeu-os e tomou-se seu líder. Passaram a denomi…

MOVIMENTO DOS IRMÃOS- EXEMPLO A SER SEGUIDO

1.1. A origem do movimento de «Irmãos» Um esboço histórico do movimento conhecido como "Irmãos". Fonte Autoria:Arnold Doolan 1. INTRODUÇÃO Em que consiste este movimento chamado de "Irmãos"? Para muitos dos seus amigos cristãos, eles aparecem como figuras indistintas, um pouco exóticas, possuídas de um forte desejo de permanecerem anónimos, e sem pretensões de serem reconhecidos como denominação vasta e influente. Têm muitos salões de reunião, mas nenhuns profusamente decorados, ou arquitectónicos templos de adoração. São normalmente vistos como cristãos bem intencionados, mas desprovidos de história, e dificilmente de qualquer identidade. É contudo interessante notar que um historiador, ao escrever acerca do movimento dos Irmãos, começou as suas observações afirmando o seguinte: "...não tem paralelo em toda a história da Igreja de Deus, visto que em nenhuma outra altura foi a Palavra de Deus por si só e liberta de qualquer tradição, tomada como guia daquel…

ESTÊVÃO - EXEMPLO DE FÉ E CORAGEM

ESTÊVÃO O PRIMEIRO MARTIR Este é o título que encontramos como cabeçalho no Capítulo 6 de Atos dos apóstolos, a partir do versículo 8. É Estêvão considerado o primeiro mártir, devido a ter sido ele o primeiro servo de Deus a morrer pela Palavra de Deus logo após a morte do Senhor Jesus. Após Estêvão, seguiram outros, como o próprio Tiago. Mas se olharmos pela história Estêvão não foi o primeiro mártir morto por causa da Palavra de Deus. Podemos citar João Batista, que foi morto ainda enquanto Jesus vivia e cumpria o seu ministério. Morreu por causa da Palavra de Deus. Alguém poderá dizar que João foi morto devido ao ódio e injustiça de Herodes e Herodias. Mas não foi. João Batista foi morto porque pregava a Palavra de Deus, pregava a verdade, e isto incomodou tanto Herodes como Herodias, pois não andavam segundo a Palavra de Deus. Mas o que temos que considerar aqui é sobre a vida e morte de Estêvão. Um homem que aparece tão inesperadamente descrito no livro de Atos. Em poucos capít…