Familias da Biblia e suas crises - II

II Parte E no verso 16: E ordenou o Senhor Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente: Mas da árvore da ciência do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás. _ Este mandamento o Senhor Deus deu ao homem, antes de ter criado sua companheira. Portanto ficou ao cargo de adão ensinar a mulher a cumprir o mandamento de Deus. Não demorou muito, logo depois de ter Deus criado a mulher, esta enganada pela serpente o diabo, tomou do fruto da árvore da ciência do bem e do mal, comeu e também deu ao seu marido. Este também comeu influenciado pela mulher, pois nesta altura a mulher já tinha ciência do que estava acontecendo. Ambos então perceberam que estavam nus e esconderam-se. Faremos uma análise aqui sobre a responsabilidade de Adão e Eva. Quem recebeu o mandamento primeiro foi Adão, ele certamente o transmitiu para sua companheira. O diabo sabia que não conseguiria fazer Adão tomar do fruto e come-lo. Então decidiu, aproveitar a fragilidade da mulher, pois a mesma teve o conhecimento do mandamento de Deus através de Adão seu marido. Logo podemos imaginar que Eva não levou muito a sério o que seu marido ensinou, desrespeitou não somente a Deus, mas também o seu marido. Este erro é muito sério, pois sendo a mulher a companheira do homem, errou primeiro e o induziu também ao erro. Adão porém, sendo homem, deveria não compartilhar com o erro de Eva, mas também seduzido pela sua mulher, comeu do fruto. Aparecendo deus na virada do dia, chamou Adão e sua mulher, e ambos se esconderam. Claro que Deus sabia o que tinha acontecido. Chamou novamente Adão até que este se apresentou. Deus lhe pergunta; Porque não respondestes? Adão então responde que se escondeu pois estavam nus. Deus lhe pergunta. Quem te mostrou que estão nus? Porventura comestes do fruto da árvore que disse para não comeres? Adão adiantou-se e disse. A mulher que me destes por companheira. Ela me deu da árvore, e comi. Aí está, o primeiro ato do homem, é logo dar uma desculpa pelo seu erro, e foi logo acusando sua mulher, sua companheira, como que se a culpa fosse somente dela. Deus então pergunta a Eva. – Porquê fizestes isto? Logo a mulher lhe respondeu também com uma desculpa. __A serpente me enganou, e eu comi. Vemos que tanto Adão como Eva, procuraram passar a responsabilidade do seu erro para o seu próximo. Adão procurou eximir-se da culpa, delatando sua companheira, como que querendo que a culpa ficasse somente sobre ela. Logo Eva percebendo que estava em desvantagem, e que poderia assumir a culpa sozinha foi logo acusando a serpente. Foi um jogo de responsabilidade. Um procurou jogar a totalidade da culpa para o outro. Ninguém queria se responsabilizar pelo seu erro. Enfim quando Eva denunciou a serpente, a serpente nada disse. É como um ditado que existe; “Quem se cala consente”. A serpente não tinha ninguém para jogar a culpa, nem tentaria fazer isto pois o mal que pretendia causar já estava feito. Todos os três personagens deste fato tiveram sua culpa sim. Primeiro o homem que recebera primeiramente o mandamento de Deus, e que por conseguinte passou este mandamento para sua companheira, porém foi fraco em sua missão. Não levou muito a sério o mandamento, pois deveria ter feito muito mais para garantir que sua companheira não se deixaria ser enganada pela serpente. O homem falhou primeiramente como cabeça de uma família, não se esforçou para impedir que a mulher sua companheira tomasse do fruto proibido por Deus. Por um momento o homem deixou sua companheira sozinha a andar pelo meio do jardim, sem se preocupar com a sua proteção, pois vemos pela história que Eva estava sozinha com a serpente. Segundo Adão também falhou em não repreender a sua companheira no momento em que ela lhe oferece o fruto, mas cedeu e também comeu o fruto. Mais falho ainda foi por ter procurado lançar a culpa somente em sua companheira. Que homem fraco este Adão, temeu pela sua própria vida, mas não temeu pela vida de sua companheira, a sua adjutora, aquela que ele mesmo disse. Carne de minha carne osso de meus ossos.Naquele momento o egoísmo falou mais alto na mente de Adão. Confessou o seu pecado, mas de forma mesquinha, sem arrependimento, procurando jogar a sua culpa em sua companheira. Eva agiu da mesma forma, se bem que ela poderia ter acusado Adão por ser um homem omisso no tocante ao mandamento. Poderia ter dito que Adão sabia do mandamento mas não a ensinou devidamente. Mas aqui vemos que a mulher lançou a culpa, na serpente. A verdadeira culpada por tudo aquilo. Sempre que o homem ou a mulher cometer pecado, a culpa será dividida entre ambos e o diabo. Pois o diabo a antiga serpente é que sempre está induzindo o homem e a mulher ao pecado. Nem por isso o homem e a mulher estão livres para pecarem. O homem primitivo e sua mulher pecaram, pois foram induzidos ao pecado pela serpente. Na inocência não há pecado, e foi justamente aí que a serpente atacou com a sua astúcia, para fazer o homem e a mulher pecarem. Era muito fácil para a mulher rejeitar a tentação da serpente. Ali de todos e qualquer fruto que havia no jardim do Éden, poderiam livremente comer. Mas ao que parece, a curiosidade da mulher tornou-a vulnerável diante da tentação. Aqui podemos tirar uma lição para nós, pois sempre existe a curiosidade de descobrir aquilo que não nos é permitido. Neste fato houve além da desobediência ao mandamento de Deus, também houve a infidelidade conjugal por parte da mulher. Eva foi infiel ao seu marido, pois deu ouvidos a serpente. Não honrou o seu marido, dando ouvidos a voz estranha. Tal como nos dias de hoje, existem confrontos conjugais, brigas de casais, dilaceração de famílias. Em muitos casos pela infidelidade conjugal. Não estamos falando da infidelidade conjugal através do adultério. Mas infidelidade conjugal em que o marido não confia na esposa e vice e versa. A mulher tem o costume de fazer as coisas pelas costas do marido. O homem idem. Há homens que fazem seus negócios, sem ao menos o consentimento mútuo da sua mulher, e quando de repente está em dificuldades financeiras, perde emprego, faz negócio mal feito, muitas vezes acaba por deixar a família até mesmo sem um teto. Se formos enumerar diversas situações não sobrará espaço ou tempo para fazermos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CONSEQUÊNCIAS DO PECADO NA VIDA DO HOMEM DE DEUS

Sobre o uso do véu

Lucia Menna